Ontem no Mqd-Pré Lançamento Disco Androginismo-Marcela Mescalina.

Androginismo é o feminino e o masculino num só ser, é o rock e o pop, é o samba e o candombe, é a mistura do Sul do Brasil com o Uruguay.

Androginismo é o primeiro trabalho fonográfico de Marcela Mescalina, com financiamento do Procultura de Pelotas, contendo composições suas e em parceria com Marília Floôr Kosby e Natália Cabugá, além de gravar Noel Rosa, Dudu Borba, Edu Caboclodamatta, e do compositor Basílio Conceição, seu conterrâneo de Arroio Grande. Com participações especiais dos Músicos Daniel Zanotelli, Miro Rizoma e Cesar Lascano.

Androginismo foi Gravado e Mixado no Estúdio Batuka Records por Davi Batuka e Masterizado no A Vapor Estúdio, com Produção Artística de Davi Batuka, com Arranjos e Direção Musical de Cone Soul e Batuta Records, teve a Produção Executiva do Ponto de Cultura Outro Sul, e a Arte e Diagramação de Letícia Maciel.

#ConeSoul é Igo Santos, Ottoni de Leon e Rodrigo Porciúncula

O show teve abertura com Alércio PJ e seu trabalho autoral.

Curte um pouco o que rolou por lá…
Uma coisa a dizer: Marcela Mescalina que baita voz…bah! ta dito.

.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *