O Fio da Literatura – Pedro Juan Gutierrez

” “… –Vai deixar tudo isso? -Vou.Não serve para mais nada.
-Ah, serve sim.Essas sandálias de borracha, o xampu, os restos de sabonete.Aqui tudo serve, mesmo que seja lixo para você.
-Tá bom, a gente põe num saco e você leva.

Logo depois, passeávamos pelo Malecon, nos despedindo para sempre…
Nunca mais nos veríamos.Ela já havia me dito que lhe doía muito ver tanta miséria e tanta encenação política para dissimulá-la.

Por isso não queria voltar nunca mais.Nos sentamos um bom tempo para escutar o mar do caribe.Ela sentia o cheiro do mar.Eu não.Talvez meu olfato já esteja acostumado.Eu gosto de escutar o mar no Malecon, tarde, no silencio da noite.

Nos beijamos e nos despedimos.
Sai caminhando, carregando o saco dos restos deixados… até minha casa. Devagar. Me sentia bem. E continuei caminhando lentamente, sem olha para trás.”

Pedro Juan Gutierrez – Trilogia Suja de Havana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *